Buscar
  • Carolina Rosa

Se você palpou uma 'íngua' no braço que fez a vacina para COVID 19, leia esse texto.


Isso é raro, mas pode acontecer.

Então a primeira coisa, é não entrar em pânico!

Esse pode ser um efeito da vacina para COVID 19. E não somente a vacina para COVID 19 pode causar isso, as outras vacinas que fazem parte do calendário vacinal brasileiro também podem apresentar essa alteração.


A segunda coisa é marcar consulta para avaliação. Será avaliada a suas axilas, suas mamas e outras partes do seu corpo para descartar alguma doença suspeita que tenha relação com esse aumento dos linfonodos.


Caso seja identificado uma possível causa reacional vacinal, a recomendação será de controle de 4 a 12 semanas depois da segunda dose da vacina. No caso de persistência, então será considerada a realização biópsia do linfonodo para excluir malignidade mamária ou extramamária.


Informação que tranquiliza!


Se toque.

Se vacine!

Se cuide!!


E continue usando máscara!

Essa recomendação é de 26/abril/2021:

https://cbr.org.br/wp-content/uploads/2021/04/2-Recomendações-para-conduta-frente-a-linfonodopatia-axilar-na-COVID-19-FINAL_26.04.21-2.pdf